Adoção consentida - do desenraizamento social da família à prática de adoção aberta
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Adoção consentida - do desenraizamento social da família à prática de adoção aberta

Dalva Azevedo de Gois
  • Cód: 9788524913099

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: Dalva Azevedo de Gois
  • ISBN: 9788524913099
  • Número de páginas: 280
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 390 gramas

SINOPSE A autora, com toda competência e convicção, nos convoca e reflexões críticas e criativas sobre adoção, ela evidenciou, com rigor teórico-metodológico e imensa sensibilidade, que mães e pais que entregam filhos em adoção vivem tanto processo de desenraizamento pessoal e social, como a ambivalência dos sentimentos de dor e alegria ao decidirem e realizarem uma adoção aberta ou consentida.

Dalva Azevedo de Gois

Dalva Azevedo de Gois - Assistente social. Especialista em famílias, mestre e doutora em Serviço Social (PUC/SP). Pesquisadora, em especial, sobre famílias e trabalho social, temática na qual atuou como docente, supervisora técnica e consultora. Entre as publicações, destaque-se a obra individual “Adoção Consentida: do desenraizamento social da família à prática de adoção aberta” (Editora Cortez), capítulo e co-organização do livro (coletânea) “Serviço Social e temas sociojurídicos: debates e experiências” (Editora LumenJuris), capítulos e organização do livro (coletânea) “Famílias e Trabalho Social: trilhando caminhos no Serviço Social (Editora Papel Social) e capítulo do livro (coletânea) “Políticas Sociais: percursos e desafios interdisciplinares” (Editora Terracota), além de artigos nas revistas Serviço Social & Sociedade (Editora Cortez), Katálysis (Editora da UFSC) e Serviço Social & Saúde (Editora da Unicamp).
A autora, com toda competência e convicção, nos convoca e reflexões críticas e criativas sobre adoção, ela evidenciou, com rigor teórico-metodológico e imensa sensibilidade, que mães e pais que entregam filhos em adoção vivem tanto processo de desenraizamento pessoal e social, como a ambivalência dos sentimentos de dor e alegria ao decidirem e realizarem uma adoção aberta ou consentida.