Congresso da Virada e o Serviço Social Hoje:
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Congresso da Virada e o Serviço Social Hoje:

Maria Liduina de Oliveira e Silva
  • Cód: 9788524927515

Confira algumas páginas

por R$ 52,00  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Organizador: Maria Liduina de Oliveira e Silva
  • ISBN: 9788524927515
  • Número de páginas: 208
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 320 gramas

SINOPSE É muito oportuna uma coletânea de textos que debatem a Virada do Serviço Social no Brasil, a partir de 1979, com protagonistas de ontem e de hoje deste amplo movimento profissional que caracterizamos como projeto ético-político profissional. Em suas linhas vamos revisitar o significado de 1979 para o exercício e o trabalho profissionais, e os desafios que estão diante de nós num ambiente de forte ofensiva conservadora no campo do trabalho, das políticas sociais, da ética. Alguns dos pilares mais importantes que fazem deste projeto/processo profissional parte de uma cultura de esquerda no país precisam ser aguerridamente defendidos: a laicidade, o respeito à diversidade humana, a urgência do combate à desigualdade social, o compromisso fundamental com os trabalhadores e suas demandas, a perspectiva da emancipação humana. Este livro está embebido desses valores, dessa direção profissional estratégica. São textos do bom combate de ideias em tempos de interdição, de obscurantismo. São reflexões para a batalha das ideias, para a disputa de hegemonia. E a memória é um elemento central de construção do futuro!

É muito oportuna uma coletânea de textos que debatem a Virada do Serviço Social no Brasil, a partir de 1979, com protagonistas de ontem e de hoje deste amplo movimento profissional que caracterizamos como projeto ético-político profissional. Em suas linhas vamos revisitar o significado de 1979 para o exercício e o trabalho profissionais, e os desafios que estão diante de nós num ambiente de forte ofensiva conservadora no campo do trabalho, das políticas sociais, da ética. Alguns dos pilares mais importantes que fazem deste projeto/processo profissional parte de uma cultura de esquerda no país precisam ser aguerridamente defendidos: a laicidade, o respeito à diversidade humana, a urgência do combate à desigualdade social, o compromisso fundamental com os trabalhadores e suas demandas, a perspectiva da emancipação humana. Este livro está embebido desses valores, dessa direção profissional estratégica. São textos do bom combate de ideias em tempos de interdição, de obscurantismo. São reflexões para a batalha das ideias, para a disputa de hegemonia. E a memória é um elemento central de construção do futuro!