Cultura da crise e seguridade social
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Cultura da crise e seguridade social

Ana Elizabete Simões da Mota
  • Cód: 9788524923203

Confira algumas páginas

Black Friday - 50%
de R$ 54,00por R$ 27,00 Economize R$ 27,00

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: Ana Elizabete Simões da Mota
  • ISBN: 9788524923203
  • Número de páginas: 280
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 410 gramas

SINOPSE Quando desvenda a nova ideologia das classes dominantes brasileira - gestada no bojo da crise e reciclagem das formas de dominação e ampliação das esferas de acumulação no Brasil de fim do século -, Ana Elizabete Mota produz um livro essencial para compreender os novos processos hegemônicos na era neoliberal do capitalismo brasileiro. E formula os termos de desafio da sua superação e de construção de políticas sociais e de alternativas hegemônicas para que a democracia volte a ser um horizonte possível no Brasil.

Ana Elizabete Simões da Mota

Ana Elizabete Mota é graduada em Serviço Social pela Universidade Federal de Pernambuco (1976), tem mestrado em Serviço Social pela Universidade Federal de Pernambuco (1984), doutorado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1995) e realizou pós-doutorado na Universidade Federal do Rio de Janeiro(2003). É Professora Titular do Departamento de Serviço Social da Universidade Federal de Pernambuco e desenvolve atividades de ensino, pesquisa e extensão, além de orientações de trabalhos de conclusão de curso em nível de Graduação e Pós-graduação (Mestrado e Doutorado).
Quando desvenda a nova ideologia das classes dominantes brasileira - gestada no bojo da crise e reciclagem das formas de dominação e ampliação das esferas de acumulação no Brasil de fim do século -, Ana Elizabete Mota produz um livro essencial para compreender os novos processos hegemônicos na era neoliberal do capitalismo brasileiro. E formula os termos de desafio da sua superação e de construção de políticas sociais e de alternativas hegemônicas para que a democracia volte a ser um horizonte possível no Brasil.