Customização Curricular no Ensino Médio
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Customização Curricular no Ensino Médio

Roberto Rafael Dias da Silva
  • Cód: 9788524927409

Confira algumas páginas

por R$ 44,00  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: Roberto Rafael Dias da Silva
  • ISBN: 9788524927409
  • Número de páginas: 168
  • Formato: 16.00 x 21.00
  • Peso: 260 gramas

SINOPSE Trata-se de uma obra escrita para professores e pesquisadores interessados em compreender os desafios contemporâneos para o desenvolvimento de propostas curriculares para o Ensino Médio. Sua abordagem inscreve-se na longa tradição de pedagogias que produzem resistência às desigualdades e apostam no potencial democrático do conhecimento na escolarização juvenil. Aceita, do ponto de vista investigativo, a necessidade de problematizar os processos de customização curricular em curso nas políticas brasileiras, sem a pretensão de desqualificar suas possibilidades, mas reconhecendo seus excessos na formação de estudantes autorreferenciados. Deseja-se que esta leitura favoreça o desenvolvimento de novas formulações pedagógicas, capazes de ampliar nossos horizontes de reflexão por meio da promoção de leituras críticas e criativas para as demandas emergentes deste século!

Trata-se de uma obra escrita para professores e pesquisadores interessados em compreender os desafios contemporâneos para o desenvolvimento de propostas curriculares para o Ensino Médio. Sua abordagem inscreve-se na longa tradição de pedagogias que produzem resistência às desigualdades e apostam no potencial democrático do conhecimento na escolarização juvenil. Aceita, do ponto de vista investigativo, a necessidade de problematizar os processos de customização curricular em curso nas políticas brasileiras, sem a pretensão de desqualificar suas possibilidades, mas reconhecendo seus excessos na formação de estudantes autorreferenciados. Deseja-se que esta leitura favoreça o desenvolvimento de novas formulações pedagógicas, capazes de ampliar nossos horizontes de reflexão por meio da promoção de leituras críticas e criativas para as demandas emergentes deste século!