Energia & Cidadania - a luta dos atingidos por barragens
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Energia & Cidadania - a luta dos atingidos por barragens

Dirceu Benincá
  • Cód: 9788524918063

por R$ 68,00 2x de R$ 34,00 sem juros  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: Dirceu Benincá
  • ISBN: 9788524918063
  • Número de páginas: 312
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 460 gramas

SINOPSE Esta obra é uma análise acerca do modelo energético brasileiro e seus impactos socioambientais e simbólicos, especialmente sobre os atingidos diretos pela construção de hidrelétricas. No atual contexto, as demandas por energia se tornam cada vez maiores e as forças hídricas continuam sendo a sua principal fonte geradora. Se, por um lado, o incentivo ao crescimento econômico é fortalecido, por outro, avançam as legítimas e fundamentais preocupações com a equidade social, o desenvolvimento humano e a sustentabilidade planetária.

Dirceu Benincá

Dirceu Benincá é mestre e doutor em Ciências Sociais pela PUC/SP, com estágio no Centro de Estudos Sociais (CES) da Universidade de Coimbra/Portugal; especialista em Comunicação Social pela Universidade São Francisco/SP; graduado em Teologia pelo Instituto de Teologia e Pastoral (Itepa) de Passo Fundo/RS; licenciado em Filosofia pela Fafime de Viamão/RS. Foi professor do Itepa e nas Faculdades Integradas Claretianas, em São Paulo/SP. Sua atuação e estudos envolvem as áreas de teologia, eclesiologia, história regional, comunicação social, movimentos sociais e meio ambiente. É autor de vários livros e diversos artigos científicos. Desde fevereiro de 2010 exerce a função de Coordenador Administrativo da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) - Campus Erechim.
Esta obra é uma análise acerca do modelo energético brasileiro e seus impactos socioambientais e simbólicos, especialmente sobre os atingidos diretos pela construção de hidrelétricas. No atual contexto, as demandas por energia se tornam cada vez maiores e as forças hídricas continuam sendo a sua principal fonte geradora. Se, por um lado, o incentivo ao crescimento econômico é fortalecido, por outro, avançam as legítimas e fundamentais preocupações com a equidade social, o desenvolvimento humano e a sustentabilidade planetária.