Língua e conhecimento linguístico - para uma história das ideias no Brasil
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Língua e conhecimento linguístico - para uma história das ideias no Brasil

Eni Pulcinelli Orlandi
  • Cód: 9788524919879

por R$ 68,00 2x de R$ 34,00 sem juros  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: Eni Pulcinelli Orlandi
  • ISBN: 9788524919879
  • Número de páginas: 360
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 530 gramas

SINOPSE Este livro mostra a relação entre a história de constituição da nossa língua em sua articulação com a história do conhecimento produzido sobre ela e a política de Estado que se conjuga a esta articulação. Faz uma análise de diferentes autores, em sua maior parte gramáticos ou ensaístas, que têm destacado papel na constituição desse saber que liga sujeito, língua e Estado. Por outro lado, mostra o trajeto de constituição de uma língua afetada pela história da colonização e que, pela sua historicização em chão brasileiro, toma suas formas singulares, acompanhando os passos da independência do Brasil e da constituição de sua sociedade, suas instituições, em que saber sua língua e saber que sabe faz parte da sua soberania.

Eni Pulcinelli Orlandi

Eni Pulcinelli Orlandi é doutora pela Universidade de São Paulo e Paris/Vincennes, 1976. Pós-doutora na França, na Universidade de Paris VII, de Paris XIII, de Paris III, ENS/Lyon. Professora colaboradora do Departamento de Linguística do IEL (Unicamp), Pesquisadora do Laboratório de Estudos Urbanos (Unicamp), Coordenadora do Mestrado em Ciências da Linguagem na Universidade do Vale do Sapucaí (MG). Publicou "La construcion du Brésil - à propos des discours français sur la découverte" (2011); "Análise do discurso de Michel Pêcheux" (Org. 2011); "Discurso em análise - sujeito, sentido, ideologia" (2012); "Língua brasileira e outras histórias" (2009);"Discurso e políticas públicas urbanas - A fabricação do consenso" (Org. 2010); "Cadernos de Estudos Linguísticos do IEL sobre 'Linguagem e Cidade'" (Org.2011); "Discurso, espaço, memória: caminhos da identidade no sul de Minas" (Org.2010).
Este livro mostra a relação entre a história de constituição da nossa língua em sua articulação com a história do conhecimento produzido sobre ela e a política de Estado que se conjuga a esta articulação. Faz uma análise de diferentes autores, em sua maior parte gramáticos ou ensaístas, que têm destacado papel na constituição desse saber que liga sujeito, língua e Estado. Por outro lado, mostra o trajeto de constituição de uma língua afetada pela história da colonização e que, pela sua historicização em chão brasileiro, toma suas formas singulares, acompanhando os passos da independência do Brasil e da constituição de sua sociedade, suas instituições, em que saber sua língua e saber que sabe faz parte da sua soberania.