Língua, uso e cognição
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Língua, uso e cognição

JOAN BYBEE
  • Cód: 9788524924705

Confira algumas páginas

por R$ 68,00  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: JOAN BYBEE
  • ISBN: 9788524924705
  • Número de páginas: 384
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 550 gramas

SINOPSE Toda teoria tem um conjunto de hipóteses que subjazem a suas questões de pesquisa e um conjunto de objetivos que determinam quais questões são formuladas. Os objetivos deste livro seguem a diretriz que nos incita a "DERIVAR A LÍNGUA DA NÃO LÍNGUA!" Fazemos isso olhando, por detrás da estrutura linguística, para os processos cognitivos de domínio geral que dão surgimento à estrutura. Como esses processos se aplicam ao uso da língua, também estamos investigando os modos pelos quais a experiência com a língua afeta sua representação, então, perguntamos: Como a frequência de uso afeta a estrutura? E como o particular - as ocorrências reais de uso - se relaciona com o geral - as representações cognitivas da linguagem? (...) O presente livro esboça uma teoria da língua que trata diretamente da natureza da gramática, levando em consideração sua variância e gradiência, e procura explicações em termos de processos recorrentes que operam no uso da língua.

Toda teoria tem um conjunto de hipóteses que subjazem a suas questões de pesquisa e um conjunto de objetivos que determinam quais questões são formuladas. Os objetivos deste livro seguem a diretriz que nos incita a "DERIVAR A LÍNGUA DA NÃO LÍNGUA!" Fazemos isso olhando, por detrás da estrutura linguística, para os processos cognitivos de domínio geral que dão surgimento à estrutura. Como esses processos se aplicam ao uso da língua, também estamos investigando os modos pelos quais a experiência com a língua afeta sua representação, então, perguntamos: Como a frequência de uso afeta a estrutura? E como o particular - as ocorrências reais de uso - se relaciona com o geral - as representações cognitivas da linguagem? (...) O presente livro esboça uma teoria da língua que trata diretamente da natureza da gramática, levando em consideração sua variância e gradiência, e procura explicações em termos de processos recorrentes que operam no uso da língua.