Pedagogia - diálogo e conflito
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Pedagogia - diálogo e conflito

Moacir Gadotti, Paulo Freire, Sérgio Guimarães
  • Cód: 9788524923371

Confira algumas páginas

por R$ 48,00  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: Paulo Freire, Sérgio Guimarães, Moacir Gadotti
  • ISBN: 9788524923371
  • Número de páginas: 168
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 260 gramas

SINOPSE "Como pode ser lido hoje um livro escrito há 30 anos? Eu, Paulo Freire, Sérgio Guimarães e outros educadores que se associam a nós, buscamos dialogar sobre perguntas que muitos se fazem nos dias atuais. Nós, educadores, antes de nos perguntar sobre o que devemos saber para ensinar, precisamos nos perguntar como devemos saber para ensinar. Da resposta a essa pergunta depende nosso quefazer pedagógico. É para nos ajudar a entender essa questão que produzimos esta obra" Moacir Gadotti

Moacir Gadotti

Moacir Gadotti é doutor Honoris Causa pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ. 2000). É licenciado em Pedagogia (1967) e em Filosofia (1971). Fez mestrado em Filosofia da Educação na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP,1973), doutorado em Ciências da Educação na Universidade de Genebra (Suiça, 1977) e Livre-Docência na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp, 1986). Foi professor de História e Filosofia da Educação em cursos de graduação e pós-graduação. Aposentou-se como professor titular da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo. Atualmente é diretor do Instituto Paulo Freire. Possui um grande número de publicações nas quais desenvolve uma proposta educacional cujos eixos são a formação crítica do educador e a construção da Escola Cidadã, numa perspectiva dialética da educação, orientada pelo paradigma da planetaridade. Entre os livros publicados por Moacir Gadotti, traduzidos em diversas linguas, destacam-se: História das ideias pedagógicas (1993), Pedagogia das Práxis (1995) Paulo Freire: uma biobibliografia (1996), Pedagogia da Terra (2000), Os mestres de Rousseau (2004), Economia solidária como práxis pedagógica (2009), EDucar para a sustentabilidade (2009) e Escola Cidadã (2010).

Sérgio Guimarães

Sérgio Guimarães é professor colaborador e doutorando da Faculdade de Psicologia da Universidade de Buenos Aires. Formado em Comunicação Social pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, trabalhou na ONU, primeiro na UNESCO (1978-80: Angola) e depois na Unicef (1985-2011): Moçambique, Haiti, Marrocos, Angola, Guiné-Bissau e Honduras). Nesse último, foi também coordenador interino do sistema das Nações Unidas e representante do secretário-geral, Ban Ki-moon (2010-11). ComPaulo Freire fez sete livros dialogados: Sobre educação - diálogos, vol. I (1982), reeditado como Partir da Infância (2011); Sobre educação - diálogos, vol. II (1984), reeditado como Educar com a mídia (2011); Aprendendo com a própria história, vol.I (1987); Aprendendo com a própria história, vol. II (2000), reeditado como Dialogando com a própria história (2011); A África ensinando a gente (2003); Sobre educação: Lições de casa (2008), reeditado como Lições de casa (2011). Paulista desde 1951. Casado com uma baiana, é pai de três filhos e, desde maio de 2012, avô de Gabriel.
"Como pode ser lido hoje um livro escrito há 30 anos? Eu, Paulo Freire, Sérgio Guimarães e outros educadores que se associam a nós, buscamos dialogar sobre perguntas que muitos se fazem nos dias atuais. Nós, educadores, antes de nos perguntar sobre o que devemos saber para ensinar, precisamos nos perguntar como devemos saber para ensinar. Da resposta a essa pergunta depende nosso quefazer pedagógico. É para nos ajudar a entender essa questão que produzimos esta obra" Moacir Gadotti