Pobreza e Serviço Social - diferentes concepções e compromissos políticos
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Pobreza e Serviço Social - diferentes concepções e compromissos políticos

Luana Siqueira
  • Cód: 9788524920592

Confira algumas páginas

por R$ 54,00  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: Luana Siqueira
  • ISBN: 9788524920592
  • Número de páginas: 320
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 460 gramas

SINOPSE Neste trabalho a autora percorre o tema da pobreza nos trazendo as diferentes concepções que embasam a compreensão deste fenômeno e suas implicações para o Serviço Social. Sua preocupação não é apenas conceitual, mas fundamentalmente chamar a atenção para que as diferentes maneiras de compreender a pobreza revelam comprometimentos políticos e perspectivas de classe distintas, levando não apenas à sua justificativa, mas ao enfrentamento limitado que acaba por reproduzir as causas que a geram.

Luana Siqueira

Luana Siqueira, é Assistente Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (ESS/UFRJ, 2003) e pedagoga pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (FE/UERJ, 2002). Mestre em Serviço Social (PPGSS-ESS/UFRJ, 2007) e em Ensino e Saúde (Fiocruz, 2006), e doutora em Serviço Social (PPGSS-FSS/UERJ,2011). É professora adjunta da Escola de Serviço Social da UFRJ.Pesquisadora do Núcleo de Estudos Marxistas sobre Política, Estado, Trabalho e Serviço Social (PETSS/UFRJ).
Neste trabalho a autora percorre o tema da pobreza nos trazendo as diferentes concepções que embasam a compreensão deste fenômeno e suas implicações para o Serviço Social. Sua preocupação não é apenas conceitual, mas fundamentalmente chamar a atenção para que as diferentes maneiras de compreender a pobreza revelam comprometimentos políticos e perspectivas de classe distintas, levando não apenas à sua justificativa, mas ao enfrentamento limitado que acaba por reproduzir as causas que a geram.