Revista Serviço Social & Sociedade  80
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Revista Serviço Social & Sociedade 80

Vários autores
  • Cód: 9000000115071

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Coleção: Revista Serviço Social e Sociedade
  • Autor: Vários autores
  • ISBN: 9000000115071
  • Número de páginas: 0
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 290 gramas

SINOPSE Festejando esse momento histórico, fruto de um processo de construção coletiva de diferentes fóruns pelo Brasil afora, presenteamos ao leitos(a) da Revista Serviço Social & Sociedade número 80 com o resultado teleológico que tem sua origem legitimada desde a Constituição de 1988 na configuração de política do regime brasileiro e proteção social no âmbito da Seguridade Social, e prevista no próprio processo de criação da atual LOAS. A revista vem acompanhada de artigos imbuídos de experiências a reflexões que tratam justamente de alguns pontos polêmicos da assistência social nos seus desafios cotidianos em se firmar de fato como política pública: retratos de família, proteção social e (des)proteção social, práticas solidárias, formação e atuação dos trabalhadores da política, terceiro setor, a população em situação de rua. Também teremos a oportunidade de apreciar o debate em torno do conceito de revolução passiva.

Festejando esse momento histórico, fruto de um processo de construção coletiva de diferentes fóruns pelo Brasil afora, presenteamos ao leitos(a) da Revista Serviço Social & Sociedade número 80 com o resultado teleológico que tem sua origem legitimada desde a Constituição de 1988 na configuração de política do regime brasileiro e proteção social no âmbito da Seguridade Social, e prevista no próprio processo de criação da atual LOAS. A revista vem acompanhada de artigos imbuídos de experiências a reflexões que tratam justamente de alguns pontos polêmicos da assistência social nos seus desafios cotidianos em se firmar de fato como política pública: retratos de família, proteção social e (des)proteção social, práticas solidárias, formação e atuação dos trabalhadores da política, terceiro setor, a população em situação de rua. Também teremos a oportunidade de apreciar o debate em torno do conceito de revolução passiva.