Revista Serviço Social & Sociedade  92
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Revista Serviço Social & Sociedade 92

Vários autores
  • Cód: 9000000118966

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Coleção: Revista Serviço Social e Sociedade
  • Autor: Vários autores
  • ISBN: 9000000118966
  • Número de páginas: 208
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 190 gramas

SINOPSE A Revista Serviço Social & Sociedade, neste número que encerra o ano de 2007, prioriza o debate em torno das Políticas Sociais, em especial a Política de Assistência Social, e os desafios postos para o Serviço Social na gestão das políticas e na intervenção quotidiana. Os primeiros artigos demonstram a importante sistematização que vem ocorrendo em torno da efetivação das Políticas Sociais, com destaque para os programas de transferência de renda, numa análise crítica que passa pela intersetorialidade nos níveis de decisão política, dos arranjos institucionais e da dimensão técnico-operativa: pelos processos avaliativos da Política de Assistência Social e do seu controle social por parte dos setores populares: pelas bases organizativas e os princípios norteadores para a implementação do Sistema Único de Assistência Social, e pela discussão das noções de autonomia e pobreza, na perspectiva das beneficiárias do Programa Bolsa-Família.

A Revista Serviço Social & Sociedade, neste número que encerra o ano de 2007, prioriza o debate em torno das Políticas Sociais, em especial a Política de Assistência Social, e os desafios postos para o Serviço Social na gestão das políticas e na intervenção quotidiana. Os primeiros artigos demonstram a importante sistematização que vem ocorrendo em torno da efetivação das Políticas Sociais, com destaque para os programas de transferência de renda, numa análise crítica que passa pela intersetorialidade nos níveis de decisão política, dos arranjos institucionais e da dimensão técnico-operativa: pelos processos avaliativos da Política de Assistência Social e do seu controle social por parte dos setores populares: pelas bases organizativas e os princípios norteadores para a implementação do Sistema Único de Assistência Social, e pela discussão das noções de autonomia e pobreza, na perspectiva das beneficiárias do Programa Bolsa-Família.