Sistema único de assistência social SUAS: caminhos de uma construção
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Sistema único de assistência social SUAS: caminhos de uma construção

KELLEN ALVES GUTIERRES
  • Cód: 9788524927188

Confira algumas páginas

por R$ 52,00  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Autor: KELLEN ALVES GUTIERRES
  • ISBN: 9788524927188
  • Número de páginas: 208
  • Formato: 16.00 x 23.00
  • Peso: 350 gramas

SINOPSE A autora nos instiga a compreender o processo de construção do Sistema Único de Assistência Social, a partir das relações estabelecidas entre os sujeitos coletivos, o Estado e o partido político. A originalidade da obra está na apreensão do sistema como resultante dessas interações.
O livro apresenta três chaves analíticas que contribuem para o estudo das relações socioestatais: a triangulação entre Estado, partido e movimento como atores relevantes para a construção e implementação da política de Assistência Social; os projetos políticos em disputa e compartilhados entre os sujeitos; a identificação de um movimento social na Assistência Social, marcado pela múltipla filiação política.

KELLEN ALVES GUTIERRES

Doutora em Ciências Sociais pela Unicamp, mestre em Ciência Política pela USP. Atualmente realiza estágio de pós doutorado na Escola de Artes e Ciências Humanas da USP, com pesquisa sobre abordagens cognitivas de políticas públicas e compõe o grupo de pesquisa “Para além da transferência de renda? Desafios da articulação intersetorial de políticas sociais” no Centro de Estudos da Metrópole — CEM.
A autora nos instiga a compreender o processo de construção do Sistema Único de Assistência Social, a partir das relações estabelecidas entre os sujeitos coletivos, o Estado e o partido político. A originalidade da obra está na apreensão do sistema como resultante dessas interações.
O livro apresenta três chaves analíticas que contribuem para o estudo das relações socioestatais: a triangulação entre Estado, partido e movimento como atores relevantes para a construção e implementação da política de Assistência Social; os projetos políticos em disputa e compartilhados entre os sujeitos; a identificação de um movimento social na Assistência Social, marcado pela múltipla filiação política.