Transitividade e seus contextos de uso
Passe o mouse na imagem para ver detalhes + Ampliar

Transitividade e seus contextos de uso

Maria Angélica Furtado da Cunha, Maria Medianeira de Souza
  • Cód: 9788524918193

por R$ 36,00  

Disponível em Estoque. Entrega em 2 dias úteis para a cidade de São Paulo (para pedidos efetuados até as 11h; após este horário, entrega em 3 dias úteis).

Outras localidades: Grande São Paulo e Interior de SP: de 2 a 4 dias úteis. Outras Capitais: de 2 a 4 dias úteis. Interior de Outros Estados: de 5 a 15 dias úteis. Os pedidos serão atendidos conforme a disponibilidade de estoque.

  • Cortez Editora
  • Coleção: Coleção Leituras Introdutórias em Linguagem
  • Autor: Maria Angélica Furtado da Cunha, Maria Medianeira de Souza
  • ISBN: 9788524918193
  • Número de páginas: 120
  • Formato: 14.00 x 21.00
  • Peso: 160 gramas

SINOPSE Com o objetivo de trazer a público, em uma linguagem clara e acessível, análises e reflexões a respeito da transitividade no português brasileiro, as autoras, põem à disposição de leitores e leitoras iniciantes nos estudos do funcionalismo linguístico um conjunto de conceitos e perspectivas de análise relativos à transitividade, bem como propostas para a aplicação prática desses conceitos e perspectivas, tendo como pano de fundo textos de natureza vária, produzidos nas modalidades oral e escrita da língua. Este livro traz contribuições advindas de duas vertentes funcionalistas, a linguística funcional norte-americana, representada, sobretudo, por Givón, Hopper, Thompson e Chafe, e a linguística sistêmico-funcional, cujo expoente é Halliday.

Com o objetivo de trazer a público, em uma linguagem clara e acessível, análises e reflexões a respeito da transitividade no português brasileiro, as autoras, põem à disposição de leitores e leitoras iniciantes nos estudos do funcionalismo linguístico um conjunto de conceitos e perspectivas de análise relativos à transitividade, bem como propostas para a aplicação prática desses conceitos e perspectivas, tendo como pano de fundo textos de natureza vária, produzidos nas modalidades oral e escrita da língua. Este livro traz contribuições advindas de duas vertentes funcionalistas, a linguística funcional norte-americana, representada, sobretudo, por Givón, Hopper, Thompson e Chafe, e a linguística sistêmico-funcional, cujo expoente é Halliday.